Produtividade: ideias simples para o dia a dia

Tempo! O recurso mais precioso e aquele que tomamos por garantido.

Quantas vezes já dissemos que seremos mais pacientes quando as coisas acalmarem. Prometemos que vamos cuidar da nossa saúde quando tivermos um pouco mais de tempo. No entanto, dentro de nós sabemos a verdade, que não existe mais tempo, que não existe melhor momento para viver ao melhor de nós, do que o Agora.


Se não for hoje, então quando será?

Os dias transformam-se em semanas, semanas em meses e meses em anos. Quando nos damos conta já deixamos passar grande parte da nossa existência breve. Hoje, agora, é o momento de escolher erguer-te e ser a pessoa que sabes no teu coração que sempre desejaste ser. Hoje pode ser o dia que escolhes cuidar da tua saúde, sais à rua e dás aquela caminhada, escolhes aquela opção saudável ou corres aquele pequeno risco de ires além dos teus medos. Quando cuidas de ti, quando ergues a cabeça e és a pessoa que sabes que o teu coração pede estás a ser o exemplo para outros.

Que tipo de pessoa desejas ser?

Com esta consciência podes fazer melhores escolhas. Escolhas essas que te levarão a ter novos resultados.


Se chegaste até aqui na leitura, peço-te que faças uma pausa e que entres em contacto com as emoções que possas estar a sentir. Que histórias contas a ti sobre este recurso tempo? Como é que estas histórias podem estar a impactar as tuas decisões e ações?


Na nossa sociedade atual estar consciente deste recurso tempo tornou-se ainda mais importante, somos seres humanos e não "fazer" humanos e rapidamente nos esquecemos disto. Por isso comecei por te questionar "que tipo de pessoa desejas ser?", para que as escolhas que tomes estejam alinhadas com o teu Ser.


Uma forma de ficares consciente sobre este recurso tempo é a consciência de como o estás a investir. O tempo não é algo que se tenha, é algo que nos é dado a viver. Podes começar com este pequeno exercício de descobrir quanto tempo investes nas tuas atividades diárias. Depois decide priorizar.

Priorizar atividades está ligado aos teus valores, crenças, visão de futuro. Claro está que todos temos as nossas responsabilidades e algumas poderão ser mais prazerosas do que outras, no final do dia quem somos, as escolhas que fazemos e as ações que tomamos são investimentos na conta tempo.


Vivemos num mundo cada vez mais rápido e desejamos tudo para ontem. Hoje começamos a cuidar de nós e amanhã queremos já o resultado disso. Quando esse resultado não aparece ficamos aborrecidos e distraímo-nos com o próximo "objeto brilhante", a próxima fórmula mágica ou o próximo penso rápido. Para mim é também um exercício constante de relembrar quem desejo ser, porque as distrações estão ali no próximo scroll no feed de instagram, na próxima história e na próxima publicidade que aparece na TV. É também para mim um constante lembrar e relembrar que atividades drenam a minha energia, que atividades é que me distraem para identificar e eliminar distrações, tudo aquilo que não é o melhor uso deste recurso escasso: o Tempo.



No que toca a este recurso é necessário sermos realistas do quanto conseguimos completar num dia. Ao definir prioridades o "não" é algo que pode ser a grande diferença entre sentir leveza ou sentir assoberbado. Reconheço que dizer "Não" pode ser desafiante, no entanto, praticar dizer "não" irá tornar-se mais simples, o que a longo prazo irá trazer satisfação, leveza e calma aos dias. Pode acontecer que algumas pessoas não reajam tão bem ao "não", sobretudo se até então estiveram habituadas a ouvir o "sim", mas confia que melhor do que ninguém tu sabes como investir o teu tempo e ao fazê-lo, ao dizer "não", estás a respeitar-te a ti e ao outro, dando-lhe a oportunidade de também ele aprender a investir o seu tempo da forma sábia.


Importa relembrar que o tempo é o recurso mais precioso e não é possível ter mais tempo, apenas ser e fazer o melhor com o tempo que nos é dado a viver. Mesmo definindo as tuas prioridades, identificando e eliminando distrações e dizendo "não" é importante avaliar, porque na sociedade atual é normal em algum momento nos debatermos com esta questão de desejar "ter mais tempo".


Por fim, lembra-te de ser gentil e paciente contigo, sobretudo quando algo não corre como planeado. A vida é uma jornada e não uma corrida. Aproveita cada instante, porque cada instante é único.


16 views0 comments